terça-feira, 1 de Junho de 2010

Tipos de metamorfismo

Metamorfismo de contacto

Os factores determinantes deste tipo de metamorfismo são o calor e a circulação de fluidos. Este tipo de metamorfismo ocorre junto de formações magmáticas que se introduziram nas rochas preexistentes (intrusões magmáticas). Em virtude do aumento de temperatura e da circulação de fluidos, as rochas adjacentes às intrusões começam a ser metamorfizadas ao longo da auréola de metamorfismo. A extensão desta zona depende da susceptibilidade da rocha metamorfizada, bem como da dimensão e temperatura da intrusão.
As rochas que resultam da alteração das rochas encaixantes, que estão em contacto directo com o magma da intrusão são conhecidas como corneanas.
Este tipo de metamorfismo está associado a baixos valores de tensão.
Exemplos de rochas formadas sob a influência do calor das intrusões: mármore e quartzitos.

Metamorfismo regional

O metamorfismo regional actua em extensas áreas, sobretudo ao longo dos limites tectónicos convergentes, e está relacionado com a formação de grandes cadeias montanhosas a partir de espessas camadas de sedimentos acumulados em determinadas regiões.
Este tipo de metamorfismo resulta da acção combinada do calor, das tensões litostática e não litostática e dos fluidos de circulação.
Exemplos de rochas formadas sob estas condições: xisto e gnaisse.




Sem comentários:

Enviar um comentário